Destaques

terça-feira, abril 16, 2013

Pinceladas cariocas - Remo, carro, Mané & Dedé

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

 por Enrico Castro

Depois de vencer o Flu, o Flamengo vai encarar o Remo
Num jogo onde só o Botafogo, como espectador, poderia lucrar alguma coisa, o Flamengo mostrou superioridade, sobretudo no 1º tempo, e venceu o mistão do Fluminense por 3 x 1 em Volta Redonda no último domingo. O resultado não alterou em quase nada o futuro da dupla Fla-Flu. Para o Flamengo, já eliminado do Campeonato Carioca,  havia o discurso de que uma vitória aumentaria a motivação para a partida de volta pela Copa do Brasil, contra o "temível" Remo. Não entendi. O Flamengo tem a vantagem do empate, vai jogar no Rio de Janeiro, a partida vale pela 1ª fase... Precisa de motivação extra?!? E o Fluminense, já classificado para as semifinais da Taça Rio, e também podendo empatar no jogo da próxima quinta-feira contra o Caracas, também no Rio de Janeiro, para se classificar para a 2ª fase da Libertadores, vai se abater por causa desta derrota?!? Duvido.

Sem camisa, Rafinha viu o sonho do carro próprio virar fumaça
Para o Flamengo, o jogo só valeu para deixar o Rafinha andando de ônibus por mais algum tempo. A nova patrocinadora da equipe, a montadora Peugeot, prometera um carro ao jovem caso o mesmo utilizasse a camisa com o nº 208 nas costas durante a partida. Mas o Flamengo, coitado, preocupado com seu novo projeto, que consiste na organização de uma vaquinha entre os torcedores com intuito de salvar o clube da lama, não teve tempo de mandar confeccionar a camisa personalizada. Sendo assim, a empresa decidiu dar o prêmio ao melhor jogador da partida. O eleito foi Gabriel, que agora pretende rifar o automóvel para ajudar o clube a reduzir a mísera dívida de R$ 750 milhões. Pelo Fluminense, o jogo também só valeu para Abel Braga, que, revoltado por ter sido absolvido pelo TJD/RJ após a última expulsão, arranjou um jeito de ser expulso novamente - a fim de evitar as desgastantes viagens de ônibus para Volta Redonda para ver seu time jogar peladas sem sentido.

'Mané' Seedorf tirou 'João' do New Iguaçu para bailar na goleada
Já o Botafogo deu um passo importantíssimo em direção ao título com essa derrota do Fluminense. Agora, o time das Laranjeiras não tem mais chances de ser o 1º colocado geral (somando os dois turnos), e nem da Taça Rio, deixando para o time da estrela solitária a vantagem de jogar pelo empate tanto nas semi quanto nas finais para ser campeão do 2º turno. Se isso acontecer, o Botafogo, que bateu o poderoso Nova Iguaçu por 4 x 1 no domingo, com belas atuações de “Mané” Clarence e Lodeiro, será o campeão carioca de 2013. Mas, se não acontecer, o Botafogo terá ainda a chance de jogar por mais dois empates na final geral do Campeonato Carioca, já que qualquer um dos times que eventualmente conquistar a Taça Rio não somará tantos pontos quanto o alvinegro, deixando-o assim como a mão na taça - pois, além da vantagem, a equipe vem praticando o melhor futebol entre os times do Rio. No entanto, em inúmeras oportunidades já vimos vantagens de empate serem jogadas para o alto.  Não me surpreenderei se o Botafogo conseguir repetir este feito.
Quissamã não vence nem time de garçons; o Vasco também não
O Vasco inicia a semana enfrentando protestos da torcida por conta da negociação de Dedé com o Cruzeiro. O zagueiro não vinha jogando nada, mas também não vinha recebendo. Na última semana, a negociação com o Cruzeiro avançou e ele vislumbrou a possibilidade de receber R$ 400.000,00 por mês. E melhor: em dia! Resultado: "coincidentemente", voltou a jogar bem e até marcou um gol na vitória por 3 x 1 sobre o Quissamã, cujos atacantes não intimidam nem os zagueiros dos times dos porteiros e garçons do Aterro do Flamengo. Não há mais o que fazer. Pelo o que consta, a negociação já foi sacramentada e só não foi oficializada ainda porque o Vasco está buscando um meio de não ter a grana penhorada na Justiça. Ou seja: o final das contas, vai ficar sem Dedé e sem dinheiro. Só resta aos torcedores lotarem São Januário no domingo que vem para presenciar a última partida do "Mito" (???). Assistir ao jogo de despedida do maior ídolo vascaíno dos últimos anos, com o time já eliminado por antecipação do fraquíssimo Campeonato Carioca, e contra o Madureira. Não tem preço. Seria cômico, se não fosse...  Pensando bem, é cômico.

Enrico Castro é tricolor (do Rio!), analista de sistemas, servidor público. Entende tanto de futebol que tem certeza que o Dimba (aquele mesmo do Goiás, Botafogo e etc) é um craque e brilharia na Champions League. Não é preciso dizer mais nada.

8 comentários:

Vitor disse...

Triste a situação do cruzmaltino... Alias, Enrico,melhor escrever sobre o campeonato Turco! Os times aqui do Rio estão patéticos! Abraço!

Fernando disse...

Enrico lembre-se do seu post inaugural IMPARCIALIDADE , o tricolete escreve com uma raiva do Flamengo , esculacha o Rafinha , minimiza a derrota e inaltece a divida do Flamengo que até agora foi o único time que teve coragem de saber sua real dívida via uma auditoria , já pensou se o seu FlorminenC fizesse essa mesma auditoria ?

Camisetas Roquenrou disse...

Faltou falar sobre os times pequenos que tem chance do título. Você só falou do Botafogo, e os outros?

Fernando disse...

Pois é , olha o Resende ae

Enrico Castro disse...

Vitor, acho que a questão este ano é: quantos cariocas vão cair no Brasileirão?
Futebol do Cazaquistão acho que é uma boa opção!
Abcs!

Enrico Castro disse...

Fernando, vc há de concordar que o Flamengo está no buraco. Tanto na saúde financeira quanto no aspecto técnico de seus jogadores. Ficar de fora das semifinais de um campeonato ridículo desses é um absurdo p/ um time como o Flamengo. E o Rafinha, coitado, tem dado o azar de aparecer nas manchetes em fatos inusitados. Ele tem futuro, nem que seja p/ jogar no Ceres ou Goytacaz!
Ah, o Fluminense está no vermelho também, e muito. Mas há uma pequena diferença: Dr. Celso Barros.

Enrico Castro disse...

Camisetas Roquenrou, vc acha mesmo que Resende ou Volta Redonda podem atrapalhar a vida do Botafogo??? Vão precisar vencer a Taça Rio e depois a final do Carioca. Na boa, sem chances! Se o Fluminense se classificar em primeiro de seu grupo, a final será entre ele o Botafogo. Se não chegar, a final será entre um grande e um pequeno, e o grande vai vencer. Foi-se o tempo em que os pequenos faziam alguma graça em jogos decisivos.

Fernando disse...

Pois é Enrico o Fluminense tem uma pequena diferença O Celso Barros , O Flamengo tem o trabalho da nova diretoria que já captou mais 2 patrocinadores e vamos chegar a 90 milhões anuais. Viu essa é a diferença , vcs tem o Celso Barros nós temos pela primeira vez na história uma direção comprometida. Coloca a rivalidade de lado e reconhece isso no seu próximo post. Eu queria que o Flu , Vasco e Bota fizessem o mesmo, o FLA está fora do CARIOCÃO devido a nova politica de restruturação que impede gastos de dinheiro irresponsaveis , o FLU está na LIbertadores e com um bom time , mas na real , sem rogar praga, vcs não chegam longe.