Destaques

terça-feira, agosto 01, 2006

Brigão

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

O atacante Robinho, do Real Madrid, foi expulso do treino de hoje do time, juntamente com o volante Gravensen. Após sofrer uma entrada dura do dinamarquês, o ex-santista partiu pra cima e socou o jogador, recebendo outro soco como retribuição. o terinador Fabio Capello chamou de imediato os dois e os expulsou do gramado.

6 comentários:

Marcão disse...

"aatacante"? "Rela Madri"?
Já tá bêbado a essa hora, Glauco?

Sobre a briga, acho que o Gravensen deve ter entrado no leilão do Fusca 79 lá em São Vicente e o Robinho não gostou...

Glauco disse...

Tá corrigido, Marcão. É a sobriedade que faz isso...

Anônimo disse...

Prestes a começar uma nova época, a direcção do blog Futebol Acima de Tudo procura reforçar-se no mercado! Os adeptos pedem títulos, e nós vamos dá-los! O objectivo é vencer em todas as frentes! Para isso contamos com a colaboração de novos membros, para crescermos ainda mais!

Para tal, pretendemos formar um plantel sólido e equilibrado, para as várias posições! Um colaborador para cada clube da Liga bwin é a meta a alcançar! Caso estejam interessados, enviem um e-mail para: ivo_correiaw@hotmail.com ! Tentaremos entrar em contacto o mais rapidamente possível! Obrigado!

http://futebolacimadetudo.blogspot.com/

Marcão disse...

"O técnico italiano Fabio Capello, do Real Madrid, reconheceu que não gosta do comportamento do meio-campo dinamarquês Thomas Gravesen, que brigou ontem com o brasileiro Robinho no treino da equipe.

Capello tentou minimizar a importância do incidente envolvendo os dois jogadores, afirmando que este tipo de comportamento é normal após o longo período de concentração na cidade austríaca de Irdning.

"Como um árbitro, mostrei cartão vermelho e mandei os dois para o vestiário imediatamente. Foi uma entrada dura, nada importante. São coisas que acontecem quando você chega ao fim da pré-temporada e está cansado", reconheceu Capello.

O técnico foi sincero ao falar sobre Gravesen. "Ele é assim, não vamos ter problemas com ele. É um pouquinho peculiar. Não me meto com ele, taticamente trabalha bem. Seu comportamento é assim, não me agrada, sempre temos de fazer tudo como ele quer".

Quando perguntado se o motivo dos problemas de Gravesen é sua provável negociação, Capello ficou quieto, mas deu um sorriso que mostra que a resposta pode ser afirmativa."

(DO PORTAL IG)

Anônimo disse...

Se o Robinho fosse o Pelé não teria sido expulso nem em treino e nem em jogo amistoso ou oficial mas como Robinho é jogador jovem seria melhor ele voltar para o Santos de onde não deveria ter saído mas saiu por dinheiro e ainda por cima pelo dinheiro é capaz de fazer qualquer coisa menos jogar futebol. Volta,Robinho,antes que tarde seja demais!!!

Marcão disse...

Como assim? O Pelé foi expulso várias vezes em sua carreira...