Destaques

quinta-feira, março 31, 2011

Uma dunkel, cerveja escura

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

Foi em fevereiro que chegou em casa uma garrafa da Paulistânia Escura, uma dunkel puro malte – são quatro os maltes usados. Sedento (e egoista, porque não dividi com os outros autores do Futepoca), provei a cerveja e, obviamente, gostei.

Como dunkel, ela é escura mas suave. Amarga como deve ser. E tem um sabor levemente de alguma coisa tostada, alguma lembrança de café. Segundo a Bier&Wein, tem também notas de chocolate que, confesso, não identifiquei por limitação de paladar, provavelmente. De cor marrom-escura, o teor alcoolico fica em 5,6%.


A Paulistânia clara, comentada em verso e prosa no Futepoca, tinha fotos históricas de São Paulo impressas nos rótulos das garrafas. Eram 12 imagens, a maior parte do acervo do jornal O Estado de S.Paulo. Na versão escura, a sacada foi repetir a dose, mas com uma dúzia de flagrantes noturnos da capita paulista.

Agora, em fins de março, a cerveja lançou outra série de rótulos, associada a uma rede de supermercados. São fotos de antigas lojas e carros de entrega do Pão de Açúcar, que aponta crescimento de vendas de cervejas especiais de 120% de 2009 para 2010. São 90 os rótulos com que as lojas trabalham, segundo a empresa.

Por questões paralelas (frequentei os concorrentes), não contribui muito para esse crescimento, mas o surgimento de novas marcas, a proliferação das premium, extra, puro malte e a chegada de mais e mais importadas reforço a ideia da ampliação.

1 comentários:

Marcão disse...

Já percebi que essa história de sabor chocolate é mais uma maneira de dizer, não tem nada a ver com o sabor do chocolate comestível ou que esteja relacionado necessariamente a algo doce. É como o fumo de cachimbo com essência de chocolate, por exemplo. Assim como a Colorado, de Ribeirão Preto, que é produzida com rapadura. O resultado é muito mais para o amargo, não tem nada de doce. Se essa Paulistânia Dunkel for tão boa quanto o Anselmo descreve, terá lugar cativo em minha geladeira. Salute!