Destaques

terça-feira, dezembro 14, 2010

Celso Roth eterno!

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

Não posso tecer comentários, pois não vi a partida (o Frédi viu). Mas, longe de subestimar o time congolês do Mazembe, só quero registrar meu espanto diante da vitória dos africanos por 2 a 0 sobre o Internacional de Porto Alegre, hoje, pelo Mundial de Clubes da Fifa. Eu sabia que um dia isso ainda ia acontecer, pois em torneio mata-mata tudo é possível. Meu próprio time, em 2005, passou aperto para vencer o Al Ittihad, da Arábia Saudita, por 3 a 2, na mesma fase semifinal. Porém, ainda que seja plausível dar zebra, quando dá sempre é inacreditável, histórico, antológico. E o técnico Celso Roth (foto), tão aclamado pelo justo e merecido título da Copa Libertadores deste ano, carregará para o túmulo esse vexame vivido no Estádio Mohammad Bin Zayed, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Só falta o Seongnam, da Coreia do Sul, vencer a Internazionale de Milão, amanhã, para termos uma espécie de Bragantino x Novorizontino (decisão do Campeonato Paulista de 1990) dos Mundiais de Clubes. E eu imagino a festa ensandecida dos gremistas no Rio Grande do Sul, uma hora dessas...

2 comentários:

Thalita disse...

Marcão, falei exatamente isso pro Glauco na hora do segundo gol... uma hora ia acontecer, ainda bem que não foi com meu time. Que lama, rapaz!

ABD RO disse...

Fica, Roth , fica !!! Vc sabe o que o Mazembe disse para o Saci ? Fica de TRÊS !!!!! > http://t.co/0RjioVs < E agora Renata Fan ?