Destaques

terça-feira, março 05, 2013

Seleção: Felipão traz Kaká de volta e quer Neymar no Brasil

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

Voltei

Vai a lista de convocados de Felipão, com menos motivos pra eu reclamar do que a última. O excelente Diego Cavalieri ganha sua chance, bem como o bom volante Fernando, do Grêmio. São boas notícias, bem como a volta de Kaká e Dedé (momento infantilizado do post) e a manutenção de Jean ao lado de uma lista de volantes que sabem o que fazem com a bola. Boa também a chegada de Hernanes, pretendida pelo treinador já na pelada anterior.

Veremos também pela primeira vez os ofensivos laterais Daniel Alves e Marcelo juntos na Seleção – e sem nenhum volante limpa-trilho para proteger. Tá certo que no jogo que fez até aqui Felipão recuou o time e segurou mais os volantes, mas continua sendo uma experiência interessante – que eu preferia ver no estilo proposto por Mano Menezes.

A surpresa fica por conta de Diego Costa, seja ele quem for, atacante do Atlético de Madrid de quem eu nunca havia ouvido falar, dada minha ignorância sobre o futebol espanhol. Aparentemente, ele foi muito novo para a Europa e está indo muito bem nessa temporada. Quem souber mais, que conte outra, por favor.

Dessas de ir para a Europa, Felipão e Parreira deram declarações que vão aquecer os corações santistas. Segundo eles, não seria uma boa para o trabalho na Seleção se Neymar mudasse de endereço agora. Felipão disse que o importante é o moço jogar onde estiver feliz. Parreira, mais prolixo, disse que o período de adaptação profissional e pessoal tão perto da Copa poderia atrapalhar o jogador.
Cheguei

Vai a lista:

GOLEIROS
Julio Cesar - QPR (ING)
Diego Cavalieri - Fluminense

LATERAIS
Daniel Alves - Barcelona (ESP)
Marcelo - Real Madrid (ESP)
Filipe Luís - Atlético de Madri (ESP)

ZAGUEIROS
David Luiz - Chelsea (ING)
Dedé - Vasco
Dante - Bayern de Munique (ALE)
Thiago Silva - PSG (FRA)

VOLANTES
Paulinho - Corinthians
Ramires - Chelsea (ING)
Jean - Fluminense
Fernando - Grêmio
Luiz Gustavo - Bayern de Munique (ALE)

MEIAS
Kaká (foto) - Real Madrid (ESP)
Hernanes - Lazio (ITA)
Oscar - Chelsea (ING)
Lucas - PSG (FRA)

ATACANTES
Diego Costa (foto) - Atlético de Madri (ESP)
Neymar - Santos
Fred - Fluminense
Hulk - Zenit (RUS)

5 comentários:

Marcos Futepoca disse...

Essa do Kaká e Dedé me lembrou um quadro do Casseta & Planeta, de uns 10 anos atrás, em que um personagem caracterizando um jogador da seleção chegava para outro, que imitava o Kaká, e ocorria o seguinte diálogo:

- Qué caqui, Kaká?

- Kaká qué.

- Que caqui Kaká qué?

- Kaká qué quaqué caqui1

(Momento infantilizado 2)

Nicolau disse...

O Casseta passou sei lá quantos anos na televisão fazendo do trocadalho um meio de vida. Trágico.

Glauco disse...

Concordei com Felipão e Parreira, melhor o Neymar ficar no Brasil até, pelo menos, 2018...

Nicolau disse...

Também acho que ele deve ficar no Brasil: que venha para o Corinthians jogar num adaptação fácil, num time organizado e ao lado de Pato e Paulinho.

Anselmo disse...

chamar Diego Costa e Júlio César é complexo.

e nesse ataque faltam motivos pra esperança.

aliás, sintomática a separação de volantes de meias. Hernanes está claramente no grupo errado.