Destaques

terça-feira, março 08, 2011

Jucilei e a Gaviões: torcida cobra jogador? Jogador cobra a torcida (Ou não)

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

Quem segue o Twitter do ex-corintiano Jucilei, viu um tweet em que o atleta teria aproveitado para dar uma vingadinha em cima da Gaviões da Fiel, torcida organizada do Corinthians famosa por cobrar, muitas vezes de forma pouco delicada, os atletas do time. A onda pelo Twitter teria se dado por conta do desempenho da "torcida que samba" no carnaval: quinto lugar, ficando atrás da rival Mancha Verde.

Todas as condicionais do parágrafo acima se devem ao fato de que Jucilei, mais tarde, apagou o dito tweet dizendo que sua conta na rede social tinha sido invadida. Disse ele: "Galera meu primo acabou de ligar dizendo que tem uma mensagem estranha no meu twitter.... Eu li e alguem escreveu essa besteira..". Na sequência, falou que "Eu so (sic) tenho a agradecer ao Corinthians e toda a torcida por tudo quebaconteceu (sic) na minha carreira. Valeu galera". Pra quem não viu, a mensagem apagada está aqui:


Especulações claro que já surgiram, mas se o jogador diz que não escreveu, que se dê crédito a ele. De qualquer forma, fica a lição: torcedor que acha que agredir jogador, quebrar carro, fazer emboscada, não interfere (negativamente) no desempenho e na decisão de atletas para permanecerem no clube, melhor repensar seus métodos...

O narrador Milton Leite também aproveitou pra questionar:


Atualizado às 20:55.

9 comentários:

Anselmo disse...

pô, mas a gaviões discutiu Dubai no Carnaval. A Mancha, falou de uma ideia genial... Não poderia ficar à frente.

lamento mais que a Nenê da Vila Matilde, que contou a história do Sal, foi rebaixada. E a Império Casa Verde, que cantou a cerveja, ficou em 12º, a uma posição de cair.

Quer dizer, como sobra carne nos desfiles, ficou claro que o pessoal não gostou da ideia de rolar um churrasco na avenida.

Sobre o Jucilei... a piada do Milton Leite é boa. Mas acho tbem q a torcida não vai "aprender" a não pressionar os jogadores da forma como fizeram. Ainda que os autores devam ser responsabilizados judicialmente pelos crimes que cometeram ao depedrar patrimônio alheio e ameaçar pessoas, não me convenço de que a turma tenha exatamente planejado isso. Aquela história da massa agindo e tal. Mas se alguém da torcida tiver a ideia de pensar antes de fazer asneira, seria mesmo um avanço.

Leandro disse...

O ex-JuciRei faz muito bem em cornetas os caras que atiraram pedra no ônibus em que ele estava, mas estamos diante da máxima de que em casa que falta pão, todo mundo chora e ninguém tem razão.
Eu não entendo nada de carnaval, mas se a Gaviões ficou só em quinto, deve ter faltado muita coisa, como também faltou ao Jucilei em praticamente todos os jogos deste ano, e principalmente quando cresceram as especulações acerca da ida dele para aquele fim de mundo.
Mas também não acho que a torcida fará reflexões neste tocante a partir do exemplo dele, e nem acho que isso prenda jogador. Afinal, se colocam o bolo de euros em cima da mesa, 99,9% dos caras vão nem que sejam tidos como os xodós da torcida, e ainda que tenham que enfrentar coisas como distância, jogar em time pequeno de campeonato pouco divulgado, neve, língua impossível que compreender/falar, racismo, guerras, etc.

Marcão disse...

Interessante a desculpa de que alguém invadiu o twitter dele. Agora qualquer um poderá escrever o que bem entender e depois apagar, justificando da mesma forma.

Camilo disse...

Conteúdo à parte...
O Jucilei escrevendo me lembra um amigo ao sair do proctologista: "maldita inclusão digital".

Anselmo disse...

Camilo,

Entendo a piada, mas tenho meus motivos pra desgostar bastante do seu comentário.

1o, Jucilei tem acesso a computador (e celular com internet) sem que se promova qqr política de inclusão digital.
2o, se você ler o twitter do Jucilei, vai ver que ele comete poucos ou quase nenhum erro de português, aparentemente o motivo do comentário. Tudo bem, falta acentuação e alguma pontuação, mas parece mais por causa do celular do que por algum insinuado déficit educacional.
3o, e aí (tudo bem q vai soar politicamente correto e tlz até chato) os déficits de alfabetização q motivam esse tipo de comentário não podem ser entendidos como motivo pra se condenar a inclusão digital. Quer dizer, só é problema haver pessoas mal alfabetizadas se elas estiverem visíveis na internet. Preferível seria q eles (ou melhor, seus textos) ficassem longe dos olhos cultos e eruditos? Complexo.

Enfim, chatice minha à parte, reclamei.

Maurício Ayer disse...

tudo bem, tudo bem, Anselmo, mas convenhamos que a piada do Camilo é boa.

Camilo disse...

Pô, Anselmo... Foi só uma piada mesmo. Nada contra a inclusão digital (sem trocadilho agora) até porque tenho uma pessoa próxima - pedagoga - que trabalha muito com isso. Não leva a mal, não. 'bora pro bar.

Anselmo disse...

Camilo,
acho q levei a sério a história por já ter ouvido (ao vivo e não por escrito) gente falar esse tipo de coisa. o q deu desgosto.

e que bom q vc não levou a mal minha resposta.

Hua Cai disse...

michael kors outlet online
louis vuitton handbags
coach outlet
cazal outlet
true religion uk
ralph lauren outlet
links of london
air force 1 shoes
rolex uk
the north face jackets
lululemon outlet
louis vuitton outlet
air max 90
ugg outlet online
oakley sunglasses
links of london jewellery
longchamp pliage
true religion sale
giuseppe zanotti outlet
ferragamo shoes
fred perry polo shirts
oakley sunglasses
tods shoes
ugg uk outlet
true religion jeans
pandora outlet
michael kors outlet
ugg boots
louis vuitton handbags outlet
celine outlet
michael kors outlet clearance
fitflops sale
nike uk store
true religion jeans outlet
prada handbags
20160801caihuali