Destaques

segunda-feira, março 23, 2009

Terceiro uniforme são-paulino já existiu

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

Até onde pesquisei, o São Paulo não possui um terceiro uniforme porque seu estatuto não permite (leia mais detalhes nesta página). Porém, apesar de os rivais tirarem sarro da questão, o clube já fez algumas tentativas. Em 1984, por exemplo, o time chegou a jogar com uma camisa totalmente branca, com o distintivo no alto, à esquerda. Em janeiro deste ano, na apresentação dos uniformes da atual temporada, o recém-contratado Washington apareceu com uma opção que está à disposição apenas da torcida (foto à direita). Esse figurino, porém, lembra muito uma das primeiras alternativas de terceiro uniforme, desenvolvida na década de 1960 pelo jornalista Paulo Planet Buarque, à época, conselheiro do clube. Veja, abaixo, a equipe do São Paulo que bateu o Comercial por 3 a 0, em 4 setembro de 1966 - foto do site de Milton Neves:

Em pé: Osvaldo Cunha, Tenente, Bellini, Carlos Alberto Rodrigues, Fábio e Nenê. Agachados: Paraná, Prado, Babá, Fefeu e Adíber

Ps.: Os gols no estádio Palma Travassos, em Ribeirão Preto, foram marcados por Paraná e Prado (2). O primeiro disputou a Copa da Inglaterra naquele ano e Prado é o 9º maior artilheiro da história do São Paulo, com 122 gols. Também jogou pelo Corinthians. Hoje, tem uma lotérica na capital paulista.

7 comentários:

Olavo Soares disse...

Bem feia essa camisa! Sorte dos são-paulinos que ela não entra em campo.

Em compensação, vi esses dias uma espécie de terceira camisa do SP, majoritariamente preta e com detalhes em vermelho e branco, muito bonita.

Marcelo Lima disse...

A Rebook tentou emplacar uma camisa comemorativa do Rogério Ceni, adivinhem de qual cor? Bom, era ROXO, porém a Nike foi mais rápida e lançou a camisa do Corinthians nesta cor, o erro da direção foi permitir que tal cor entrasse em campo, deveria ser apenas uma camisa de torcida, como o Fluminense tem a Laranja...

Ainda espero um clássico entre Corinthians e Palmeiras, um com a camisa roxa e o outro com o marca-texto verde limão, com luzes negras e bola laranja... psico-total!

Anselmo disse...

lançar terceiro uniforme que o time não leva a campo é difícil, porque aparentemente vende pouco (e não chega aos camelôs).

Acho curioso essa discussão do 3o uniforme, porque o atual verde-limão-siciliano tá durando, mas antes, em 2006, o time jogou várias partidas de pijama, quer dizer, com um uniforme cinza que não colou pra torcida.

Fabricio disse...

O uniforme cinza foi abolido depois da derrota na Copa do Brasil pro Ipatinga nos penais.

O verde-limão tá durando porque em geral traz sorte.

Marcão disse...

Sou totalmente contra qualquer uma dessas frescuras. O verde fosforescente do Palmeiras e o roxo gaiola das loucas do Corinthians são pura e simplestemente ridículos. Uniforme 1 e 2 bastam. Pronto, ranzinzei.

Sérgio Oliveira disse...

Camisa feia...

Yuri disse...

Em 1966 o SPFC nem era time ainda. Artificial demais. Sem alma.


Pensando bem, ainda não é.