Destaques

quinta-feira, junho 21, 2007

Terceirona: maior que a Série B?

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

O ótimo blog Longe dos Holofotes fez um post conclamando "mais respeito à Série C". O argumento do autor para pedir maior consideração à Terceirona está no glorioso passado de alguns dos clubes que jogarão o campeonato.

A quantidade de títulos é expressiva: a Série C tem dois Brasileirões (Guarani-78 e Bahia-88), uma Taça Brasil (Bahia-59), uma Copa dos Campeões (Paysandu-02) e tantos outros.

Agora vejam que curiosidade. A falta de "gigantes" na Série B de 2007 faz com que, se analisarmos por esses critéirios, a Série C fique até à frente - ou pelo menos em "empate técnico", o que é bem interessante, já se considerarmos o buraco sem fundo como a Terceirona geralmente é tratada.

A Série B de 2007 tem apenas um título brasileiro (Coritiba-85) e nenhuma Taça Brasil. A vantagem estaria na Copa do Brasil, com três títulos: Criciúma-91, Santo André-04 e Paulista-05.

O jeito é esperar que um grande caia no atual brasileirão pra essa disputa voltar a ser desigual...

4 comentários:

Glauco disse...

Um argumento pra lá de falacioso pra se pedir "respeito" à terceira divisão. Primeiro, porque ela tem 64 clubes, enquanto a segunda tem 20. Se o critério fosse só esse de "passado glorioso", na proporção já se sentiria o desnível. Mas, se fizer o cálculo oposto, dos times que nunca disputaram a primeira ou até a segunda divisão do Brasileiro, qual série teria mais clubes que preenchem esse requisito? Clássicos como Coruripe e Crac devem ser de fato emocionantes, além de outros anabolizados pelo obscuro ranking da CBF. Faça-me o favor...

Anselmo disse...

sugiro menos respeito pelo Guarani, bahia e Paysandu. Pode ser?

Unknown disse...

A Série C tem o Rio Claro, isto faz dela a principal.

Acho que um grande cai da 1a. Tá muito apertado e não cabe todo mundo lá na 1a, o que é bom.

Abraços,

Anselmo disse...

sugiro Flamengo e Vasco pra segunda divisão. "E" eu escrevi, e não "ou", grife-se.