Destaques

sexta-feira, agosto 07, 2009

Após semana de ânimos exaltados, Suplicy canta "Father and Son" no plenário

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

É impagável a homenagem do senador Eduardo Suplicy (PT-SP) ao dia dos pais na sessão plenária desta sexta-feira, 7. À capela, ele cantou Father and Son, de Cat Stevens. No sábado, pelo que se apreende, durante o programa de TV de seus filhos Supla e João Suplicy, o senador acompanhará a prole na canção.

Antes, ele leu a letra traduzida. Ao final do improviso, Paulo Paim (PT-RS) que presidia a sessão declarou que "não são necessárias mais palavras".

(Se não abrir, clique aqui. Foi o único jeito de publicar o vídeo da TV Senado. Se alguém achar em outro veículo que permita reprodução mais facilitada, a gente troca. Ou ouça só um trechinho aqui)

A cantoria vem após uma semana conturbada de brigas entre Fernando Collor (PTB-AL) e Renan Calheiros (PMDB-AL) contra Pedro Simon (PMDB-RS) e também contra Tasso Jereissati (PSDB-AL). Nesta sexta, Paulo Duque (PMDB-RJ), presidente do Conselho de Ética, mandou arquivar as representações contra o presidente da Casa José Sarney que ainda esperavam seu parecer. Por ele, tudo vai para a gaveta.

Como semana que vem é o momento dos recursos da oposição ao governo federal no Conselho e também o primeiro depoimento na CPI da Petrobras, é improvável que o clima melhore muito.

Também vale assistir: há nove anos, em 2000, Jader Barbalho (PMDB-PA) e Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA) quebravam o pau.

2 comentários:

Glauco disse...

Faço coro a Paulo Paim (PT-RS): "não são necessárias mais palavras".

Maurício disse...

Encerrou de maneira bela! Grande Suplicy.