Destaques

segunda-feira, agosto 03, 2009

"Cúpula da cerveja" de Obama contribui para o "manguaça-cidadão"

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

O professor de Harvard Henry Louis Gates Junior voltava de uma viagem de uma semana à China para sua casa em Cambridge, no estado de Massachusetts. Por algum motivo, o morador mais o motorista que o conduzia não conseguiram abrir a porta. A polícia teria sido chamada porque dois negros estavam tentando arrombar uma casa.

O sargento James Crowley foi ao local, abordou Gates. O professor terminou preso por desacato e a mídia dos Estados Unidos passou uma semana discutindo racismo.

A jornalistada foi ouvir Barack Obama:

– A polícia de Cambridge agiu de forma estúpida ao prender alguém quando havia prova de que ele estava em sua própria casa

"Estúpida"? Crise à vista. Como superá-la?

Foto: Pete Souza/Casa Branca


Obama chamou Joe Bidden, seu vice, e os dois envolvidos na crise. Mandou vir uma Budweiser light, da multinacional belgo-brasileira Inbev – o que causaria outra dose de polêmica – e teriam brindado a Mussum como forma de solucionar o impasse.

Manguaça-cidadão
Que Lula é "my man" para Obama, isso já rendeu demais. Mas se fosse aqui, talvez o presidente brasileiro fosse acusado de promover o consumo de bebida alcoólica ou de ser cachaceiro (que, se estivesse no Futepoca, soaria como reconhecimento de bons serviços prestados).

O fato é que boa parte dos conflitos políticos nacionais poderiam ser mais livremente discutidos na mesa do bar. O problema seria a relatoria das conclusões...

Em tempo
Larte Braga levou a Cúpula mais a sério. Ele critica o fato de Obama não ter insistido em um pedido de desculpas ou alguma forma de retratação da parte do sargento acusado de racismo. "O presidente foi apenas o garçom", declarou Gates.

Acho que faltou mais uma rodada para Obama chegar lá.

7 comentários:

Maurício disse...

Se a Rodada de Doha fosse servida pelo Obama, o resultado seria outro.

Macari disse...

quer saber quem bebeu o que?
o chicago tribune descobriu e o blog do bob (que deveria ser leitura obrigatória de jurado de teste-cego) comentou: http://blog.estadao.com.br/blog/bob/?title=diga_me_o_que_bebes&more=1&c=1&tb=1&pb=1

Anselmo disse...

se o teste é cego, o blogue é em braile?

boa, macari!

incrível como tem jornalista sem o que fazer pra investigar a marca da cerveja e repercutir com o concorrente a opção...

o lula deveria mandar umas canjibrinas...

Maurício disse...

anselmo, na foto do cabra lá são quatro manguaças. onde ele foi parar na hora do brinde? não houve unanimidade na conciliação?

Glauco disse...

Pelo tamanho do copo, o quarto integrante provavelmente deve ter ido ao toalete na hora da foto.

Anselmo disse...

maurício, alguém tinha de tirar a foto, né?

foi o joe bidden, o vice que não aparece na imagem oficial do flickr da casa branca. mas ele estava lá...

Maurício disse...

agora que eu vi, ele deixou a bengala representando.