Destaques

quinta-feira, março 05, 2009

Delírio, paranóia, mistificação, mediunidade

Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Facebook

O ruim de chegar ressaqueado no trabalho é que você demora um pouco para entender o que as pessoas estão falando - e, até que entenda, fica com aquela cara abobalhada de estupefação. Alguém chega e fala: "Será que você pode me dar uma ajuda?". E você responde, aéreo: "É isso mesmo" (ou qualquer outra coisa desconexa e sem sentido). Mas tem situações que nem sóbrio é possível compreender. Hoje pela manhã, do nada, a faxineira chegou pra mim e despejou o seguinte:

- Minha mãe está viciada em pastel. Só quer comer pastel.

- Ãhn?!?!?

- Depois que ela pegou diabetes, só come pastel. Passa mal, mas come.

- ?!??!???!??

- Ela não pode com gordura e só come pastel de queijo. Engordurado.

- ?!??!???!??!!?

- E come coentro. Meu marido é baiano, gosta de coentro. Eu não.

- ?!??!???!???!??!?

- Sabe duma coisa? Eu queria ser espírita numa hora dessas.

- ?!??!???!?!???!???!!!!

- Porque eu não posso bater na minha mãe. Mas aí a minha avó podia "descer" em mim e sentar paulada nela!

(Disse isso e saiu gargalhando. Não consegui esboçar reação...)

10 comentários:

Glauco disse...

Essa foto do pastel antes do almoço não foi uma boa idéia...

Nicolau disse...

Rapaz, que bizarro, haha!

Maurício disse...

eu só entendi a foto depois que li o post. a princípio, de relance, achei que era um corte de sebo de boi. agora já não entendo como é que eu consegui ver isso nessa imagem...

anrafel disse...

Deus me livre de pegar alguma doença que me impeça de comer pastel, e com muita pimenta.

Marcão disse...

Lendo esses comentários eu fico tão ou mais perplexo do que ouvindo o papo da faxineira. Só tem gente louca nesse mundo...

Beto Renzo disse...

Vodka com Dualid S... a mãe da faxineira nunca mais vai comer pastel... e talvez coisa alguma.

Marcão disse...

"Vodka com Dualid S"?!??

É, acho que vou aderir à campanha "FECHEM A FARMÁCIA DA RODOVIÁRIA DE TAQUARITINGA ANTES DO PRÓXIMO CARNAVAL"...

Fabricio disse...

Pra onde mando o curriculum? Trabalhar aí deve ser um tanto divertido.

Anselmo disse...

acho que o código penal brasileiro não prevê intervenções mediúnicas como atenuante para agressões. o estatuto do idoso tampouco prevê esse tipo de cenário. acho.

falando em estatuto do idoso, deveria ser garantido o direito de se comer pastel aos idosos. Claro que o pastel seria o símbolo do alimento considerado não-saudável consumido durante a vida toda, mas banido em determinado momento da vida. E a proibição é feita por um médico que, só porque estudou dez anos e sabe que aquilo vai fazer mal pra saúde, sai fazendo uma intervenção dessas na vida da pessoa.

Bom, se bem que se a pessoa se viciar em pastel, a coisa fica mais complicada.

olavo disse...

Dê Zvonka pra ela.